Anuncios

terça-feira, março 29, 2011

Pastor da Mantiqueira


Há muito tempo vêm se formando uma nova raça de cães na Serra da Mantiqueira, resultado da preferência pelas raças de pastoreio na região.

Ao selecionar cães pastores, como os Alemães, Belgas, Brancos Suiços, Malinois, Holandeses, etc, os vaqueiros da região, protegidos pela dificuldade de acesso, conseguiram manter o plantel da raça relativamente puro de genes exóticos de outras raças.

Eles sofreram nesta região uma seleção empírica, mas eficiente, pois como estes peões precisam de um bom cão, sempre procuraram dentro de seu conhecimento acasalar os melhores animais, e se orgulham deles, em uma história muito semelhante a dos cães da região Britânica de “Borderland”, que fica na divisa entre Pais de Gales, Escócia e Inglaterra, de onde se origina os grandes cães pastores Border Collie.

Cores do Pastor da Mantiqueira
Esses animais são excelentes para o trabalho no campo, onde o vaqueiro tem uma grande dificuldade de locomoção, devido ao relevo extremamente acidentado (com declives muito acentuados). Muitos locais são praticamente inacessíveis para o peão chegar a cavalo, e ai ele manda o cão que, leve, ágil e corajoso impõe respeito ao gado.

Fotos da Serra da Mantiqueira

Já de muitos anos o cão pastor é para o trabalhador uma ferramenta indispensável em seu manejo diário, formando um tripé: peão, cavalo e cão, que tem funcionado bem durante anos.


Antes que alguém pergunte a música é Sete Flechas do Tião Carreiro e Pardinho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário