Anuncios

quinta-feira, janeiro 19, 2012

Zé da Unha

Quando o time de futebol da minha terra, o Yuracan Futebol Clube, caiu para a quarta divisão do campeonato mineiro, nem os jogadores reservas queriam mais saber de jogar.

O bicho, quantia de dinheiro, que era pago somente se o time ganhasse, era raro e muito pequeno.

Em um jogo contra o Smart, o time estava perdendo de 3x0 e o juiz apitou o intervalo. O Delano, goleiro reserva do Yuracan foi para o aquecimento, e o Zé da Unha, bêbado que acompanhava a trajetória de derrotas do time, foi para o alambrado e revoltado, gritou:

Goleiro, filho duma puta!

Ao que o Delano, gritando de volta, lá da pequena área, respondeu:

Filho duma puta, tudo bem! Agora Goleiro é a mãe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário