Anuncios

terça-feira, fevereiro 07, 2012

Bar do Meco no Planeta Bola - Itajubá MG

Esta postagem é uma homenagem a um dos melhores donos de buteco que já conheci.
Atualmente, depois de muitas idas e vindas, o nosso querido Meco está no bar do Planeta Bola (atrás do Albatroz) aliando assim, a melhor vista da cidade com o melhor tira gosto.


Como todo dono de buteco deve ser, o Meco é um excelente contador de causo. Na última vez que estive lá, pude escutar dois deles que, longe da felicidade de ouvi-los pessoalmente, tento reproduzi-los abaixo para o Curvas de Minas.


Tsiu

 Certa vez o Meco contratou um negrinho, bebum e magricela, chamado tsiu, mais para ajudar o pobre coitado do que qualquer outra coisa. Mas bastou ele acompanhar o primeiro atendimento que ele mandou o tsiu voar dalí prá outro puleiro.

Cliente de frente para a estufa :

- Esta coxinha é de hoje?

Tsiu:

- Não é de ontem!

E este torresmo é de hoje?

- Não é de ontem!

E esta carne é de hoje?

- Não também é de ontem!

Porra!!! Como faço para comer um salgado de hoje?

- Passa amanhã!!!

 
Ravanna Cristina

Quando o Meco ainda morava em Cristina, conheceu um viadinho chamado Ravanna que trabalhava de garçonete na padaria da praça. Deixando a frescura de lado, todos na cidade gostavam muito dele, pela qualidade do serviço e pela atenção dedicada a cada cliente.
Só que um dia, apareceu na cidade um Agrônomo Americano e, passados alguns dias hospedado na Pousada Casarão, qual não foi a surpresa da população ao saber que os dois estavam namorando e a Ravanna já estava de mala pronta para ir embora para a terra do Tio Sam.
Ficou lá por uns seis meses, cansou do bofe e da vida de dona de casa, ligou para as amigas da Parada Gay de Cristina e avisou que ia voltar.
Com data e hora marcada no aeroporto de Guarulhos partiu a Van lotada de Pryscillas e Anysios para receber a amiga mais querida de volta a cidade que possui os leões soltos na praça.
Ansiosas esperando no portão de desembarque, apareceu a filha pródiga toda produzida, foi um alvoroço; gritos, histeria, faixas jogadas de lado e um agarra agarra que terminou com Ravanna Cristina tentando se livrar dos abraços e gritando:
- Take it easy, take it easy! Eu não consigo mais entender portuguese.

3 comentários:

  1. Sempre vou jogar bola no Planeta Bola e me divirto lá. A galera do bar é ponta firme e o atendimento é ótimo. Além do mais, eu que vendo carros em Itajubá sempre consigo bons negócios por lá.

    ResponderExcluir
  2. O Local é muito bom!!!

    ResponderExcluir
  3. É uma pena que este Bar não possui isolamento acústico , e acaba desrespeitando toda uma comunidade ao redor , porque ele se localiza no alto e o som se propaga no Bairro inteiro , tornando as noites um inferno para conseguir durmir . Fora as vagabundas que descem , Gritando , e os boy ficam desfilando com som nas alturas no bairro residencial . Quem será que deu Alvará de Funcionamento ?

    ResponderExcluir